Luxury Experience - The Online Resource for the Discerning Consumer
Home | Testimonials | Who We Are | Contact Us | Subscribe | Links | Media Kit
Home
Destinations
Hotels and Resorts
Spas
Restaurants
Chefs' Recipes
Liquor Cabinet
Wine Cellar
Music Scene
Adventures
Fashion
Arts and Antiques
Performances
Luxury Products
Publisher's Notes
Awards
Events
Gastronomy
Travel News
Subscribe
Site Search


Sao Paulo, Brazil (Portuguese Version) PDF Print E-mail
Written by Debra C. Argen   

Praia da EnseadaBrasil é definitivamente um paraí­so com suas matas verdejantes, praias lí­mpidas, pessoas bonitas, comida maravilhosa e a música com muito ritmo.

 

Assistência na tradução para o português de Ana Maria e Emi Chaparro 

Quando eu penso no Brasil, eu sempre me lembro da canção, “Two Tickets to Paradise” de Eddie Money. Para mim, o Brasil é definitivamente um para­íso com suas matas verdejantes, praias lí­mpidas, pessoas bonitas, comida maravilhosa e a música com muito ritmo. 

Embora eu já tenha morado no Rio de Janeiro — não, eu não era a Garota da Ipanema, (eu morei na URCA) — eu me apaixonei pelas praias e pelo litoral de São Paulo há alguns anos. Desde então, todos os anos, eu e meu marido, Edward, vamos para o Brasil para a celebração do ano novo, com amigos em Itamambuca, uma cidade do litoral Norte de São Paulo, que se encontra num lugar que se chama Mata Atlântica e se estende do Amazonas até o litoral do Brasil; um lugar especial onde as matas vêm para beijar o mar. Praias extensas e limpas, com areia que parece açúcar; o mar com sua cor azul-celeste e as matas viçosas e verdes completam o ambiente. 

Uma viagem favorita, para mim, é para a cidade histórica do porto Paraty, norte da Itamambuca, no estado do Rio de Janeiro. Todos os anos nós vamos para esta cidade com nossos amigos, Eloá Maria e Cândido Gonçalves, e às vezes com alguns outros amigos também. Este ano, fomos só nós quatro e começamos nosso dia com o céu azul brilhante, que provocando dava palpite do calor que viria. Enquanto nos dirigí­amos pelo litoral cênico, rapidamente o céu ficou escuro, e nós ficamos preocupados que uma chuva de verão estragasse nosso programa. Eu falei para nossos amigos, para não ficarem preocupados, eu faria minha dança do sol, e quando nos viramos uma curva na estrada, fez sol outra vez! Será que minha dança ajudou? No Brasil, há um estado de misticismo, que o melhor muitas vezes é não questionar quando algo de bom acontece. Nós chegamos em Paraty com muito sol, e gostamos muito dos passeios nas ruas de pedras, com lojas de artesanatos e restaurantes, ou só refletindo sobre o belo passado desta cidade-porto tão importante antigamente. Esta cidade histórica tem uma combinação do novo e do velho, com as charretes e ao mesmo tempo lojas de mergulho, que prometem um paraí­so no fundo do mar. 

Depois dos passeios e de algumas paradas para comprar uma lembrança ou duas, decidimos que era a hora para almoçar. Nós achamos um restaurante muito agradável, o Café Paraty, na Rua do Comércio, 253, no Centro Histórico, www.cafeparaty.com.br, que serve uma comida excelente com ótima música ao vivo há mais do 20 anos. O restaurante é grande e deliciosamente refrescado por ventiladores de teto. Nós começamos com os sucos naturais – abacaxi com menta, maracujá, e acerola. Apesar do extenso menu, três de nós escolheram Linguado com Molho do Camarão, um prato no qual  o molho complementa perfeitamente o peixe. Eu escolhi o Linguado com Maracujá. O peixe estava delicado, e o molho de maracujá ficou excelente com doçura e a textura das sementes. Os dois pratos estavam excelentes, mas todos gostamos do Linguado com Maracujá. Este restaurante encantado fica mais encantado com a música de Joca Freire, This e-mail address is being protected from spam bots, you need JavaScript enabled to view it , um nativo do São José dos Campos, SP. Ele toca violão e canta  e tem muito talento. Ele tem 2 CDs, e nós escolhemos um  que chama A Flauta Que Me Roubaram. Depois de escutar esse CD, nos arrependemos de não levar o outro também.

Nós partimos de Paraty em direção a Itamambuca, parando na Cachoeira da Cobra para um banho refrescante. Muito difí­cil de achar, sem placas com informações de como chegar na cachoeira, depois de sair da rodovia, é necessário dirigir por uma estrada de terra í­ngrime e com muitos buracos. Depois de estacionar o carro, você entra em uma trilha muito estreita e anda pela mata até chegar na cachoeira. Na minha primeira vez na cachoeira, eu fiquei muito preocupada com a idéia de encontrar cobras, e não pensei na possibilidade de eu cair na trilha. Com experiência, aprendi a ficar menos preocupada com as cobras, e mais preocupada com os insetos. Este é o preço de um paraí­so. Se você for à cachoeira, é preciso levar repelente. O trekking na mata é uma experiência em si, que lembra um filme do Tarzan e a Jane, com árvores altas, cheias de bromélias, e plantas enormes. Um declive abrupto, e finalmente é possí­vel se contemplar a cachoeira, fazendo com que o trekking valesse a pena. Em um dia quente, a cachoeira com água fresca e transparente é um lugar perfeito. 

A Praia da Itamambuca é um sonho para pessoas que gostam de praias: é extensa, com areia fina e clara que parece açúcar, perfeito para um passeio ou olhar as pessoas, além de ter ondas grandes para brincar ou surfar. Já que tenho espí­rito aventureiro (já esquiei na neve e na água, e tenho um tí­tulo “Dive Master” no mergulho), decidi fazer uma aula de surf no óltimo dia do ano. Apesar de meus amigos se oferecerem para me ensinar, muito obrigada a Ramon e a Moara Sacilotti, achei melhor fazer uma aula na escola de surf. Para minha sorte, tem uma escola maravilhosa em Itamambuca, onde eu estava hospedada. A Escola Zecão de Surf, www.zecao.com.br, cujo dono, José Carlos Maciel Rennó, (Zecão) é um campeão profissional internacional de surf,  tem oferecido aulas de surf para turistas e aos nativos há 7 anos. A Escola faz aulas de uma hora, um estudante para um professor, e garantia de sucesso para os estudantes. Logo me inscrevi para uma aula com a esposa do Zecão, a Adriana Menezes de Souza Pereira, e voltei para a casa de meus amigos, para trocar minha roupa para a “roupa do surf”, uma camisa do Ramon e os shorts da Moara. Agora eu estava pronta para minha aula – agora eu parecia uma surfista! Ainda não era uma surfista, mas eu já tinha torcedores – o Ed e a Moara, meus fotógrafos, e meus 2 torcedores, o Lucas e a Kaóma Paiva. A Escola tem muitos professores excelentes, mas eu tenho sorte, porque eu tive o próprio Zecão como professor. Zecão, um nativo de Ubatuba, morou no Havaí­ por 2 anos, e entrou e ganhou competições profissionais na Indonésia, Califórnia, Tahiti, Fiji e no Japão. Quando ele não está ensinando as aulas para os turistas, ele dá aulas para as crianças pobres.

Debra Surfing -Minha aula começou, com alguns movimentos na areia necessários para fazer na prancha. Eu pratiquei os movimentos muitas vezes, pensando que logo eu faria estes movimentos no mar. Mas será que eu conseguirei? Finalmente, chegou a hora do show! Eu fui para o mar com minha prancha bem segura na minha perna, aprendi a pular as ondas e dar  um empurrão na minha prancha quando uma onda vem. Finalmente, nós chegamos a nosso destino, e agora preciso lembrar tudo que eu aprendi na areia. Zecão segurou minha prancha e falou para mim para ficar em cima da prancha. “Espera, espera, espera”, ele falou, e de repente eu o escutei gritando para mim, “levante-se, levante-se!” Então, eu me levantei, sim, é verdade! Surpreendente, eu estava de pé! Meu coração disparou com adrenalina, eu surfei, eu surfei, e depois eu caí­ nas ondas! Eu pensei que tinha acabado minha aula, mas Zecão falou para mim que agora era hora de pegar uma nova onda. Outra vez, eu fiquei em cima da prancha, esperando por uma boa onda, e depois, “levante-se, levante-se!” Muitas vezes eu repeti “pegar as ondas”, até que finalmente, minha hora acabou, e eu estava muito cansada, mas contente por minha conquista no surf. Eu acabei minha aula com um tempinho para tomar um banho para ficar pronta para a celebração do ano novo. Muito obrigada, Zecão, por me ajudar a realizar esse sonho! Agora, eu não posso esperar até o próximo ano para mais uma aula! 

Depois de 2 semanas era hora de nós irmos para o sul, para a ilha da Guarujá. Muito bronzeados, Ed e eu, com a Regina e Gilberto Sacilotti, Jr. fomos para a Casa Grande Hotel Resort & Spa, Avenida Miguel Stefano, 1001, Praia da Enseada, Guarujá 11440-530, SP, Brasil, www.casagrandehotel.com.br. Este hotel tem 268-quartos, foi construí­do há 32 anos, e está localizado no outro lado da Praia da Enseada. O Casa Grande Hotel Resort & Spa tem tudo, até heliporto mesmo. Se você está procurando uma viagem para um fim de semana muito perto do São Paulo, é só dar uma olhada no Casa Grande Hotel Resort & Spa, a apenas 75 quilômetros de São Paulo, ou por helicóptero, só 28 minutos do aeroporto do São Paulo, ou só 15 minutos da Avenida Paulista em São Paulo. 

Desde o momento em que chegamos ao hotel, percebemos que haví­amos encontrado um lugar muito especial. Depois de um rápido check-in, fomos até nossos quartos, 210 e 212, que são interligados por uma grande sala, formando uma suí­te de 2 quartos, onde havia uma cesta com frutas de boas vindas em cada quarto. O quarto 212 era  muito grande, com vista para a piscina e para o mar, com um belo chão da madeira, um teto da madeira branco, uma cama tamanho King, um sofá, uma mesinha, 2 cadeiras, acesso à Internet, e dois telefones. Havia também uma outra mesa perfeita para jantar no quarto, e um balcão para escrever os cartões postais para amigos que não tiveram a sorte de estar  nessa viagem. No quarto tem uma televisão grande da Philips, e uma combinação DVD/vídeo/CD, e um rádio/relógio de mesa com alarme. O quarto tem um guarda-roupa grande e um cofre, além de um frigobar. Os hóspedes são mimados com o conforto de um grande banheiro de mármore, com roupões, um espelho para fazer maquiagem, dois lavabos, uma ducha, banheira, secador e quarto separado para o vaso e o bidê. O banheiro tem também outro telefone, e uma abundância de luz para tornar o ambiente perfeito para tomar um banho ou fazer a barba. Quarto 210, é quase igual ao quarto 212, mas só um pouco menor, e não tem um sofá.  Fora dos dois quartos, espelhos do chão ao teto para assegurar que você esteja ótimo. 

A sala é também magní­fica, com mais uma enorme televisão da Phillips, e uma combinação DVD/ví­deo/CD, 2 sofás, uma grande mesa com 4 cadeiras, lavabo de mármore, e um frigobar. Mas o pièce de résistance é a varanda com a vista para o mar e para a piscina. Este é um lugar perfeito para ler o jornal.

Casa Grande PoolApesar de ser difí­cil de deixar a suí­te com tanta mordomia, o hotel chamava e nós fomos atender. O problema foi escolher o que fazer já que o Casa Grande Hotel Resort & Spa oferece tantas opções. Primeiro, sua localização perto do mar, depois sua piscina, 5 restaurantes, boite, bares, quadras de tênis, futebol society, voleibol, Academia, e Spa! Precisa de mais? O hotel tem um programa para crianças e playground, o teatro para os filmes, exposição de Arte dos artistas Brasileiros, e shopping do outro lado do hotel durante a temporada de verão. Ainda precisa de mais? Também o golfe para os hóspedes com o desconto de um clube, só 5 km de distância do hotel. Mas às vezes, a melhor atividade é relaxar e deitar na rede ou sentar à beira da piscina, com um garçom trazendo-lhe umas frutas frescas, um coco verde gelado, ou um drink exótico. 

Casa Grande LobbyNós começamos nossa noite com um drink no Lobby Bar escutando a música. O Lobby Bar tem um menu extenso, e nós escolhemos o especial da casa, o Casa Grande, uma combinação encantada de vodka, Curaçao Blue e Sprite, a Enseada, uma fresca combinação de proseco, suco de abacaxi, licor de pêssego e Grenadine, e uma de nossas velhas favoritas, a Kir Royales. Depois dos drinks estamos prontos para o jantar. 

O hotel é famoso por seus restaurantes excelentes, então nós fizemos uma reserva para seu restaurante da Tailândia e do Sudeste Así­atico, que se chama  Thai, localizado junto ao mar, com vista panorâmica da Praia da Enseada. Sr. Paulo Roberto Cupertino, Gerente Operacional do Casa Grande Hotel Resort & Spa, foi responsável pela concepção do  restaurante, bem como de suas receitas. O tema do restaurante começa no minuto em que você entra no restaurante com o telhado de palha, e durante a nossa visita, com a chuva torrencial de verão. Apesar da chuva, Jailton dos Santos e nossa garçonete Célia fizeram de nossa visita uma noite memorável. 

Para nossa celebração, nós começamos com um outro drink, exótico, Cha Phraya, que é uma combinação do gim, Cointreau, suco do limão e suco da laranja com gelo, que é muito refrescante. Para apetizer, escolhemos o Poo Jha, (Bolinhos de Siri com especiarias tailandesas). Os Bolinhos de Siri com especiarias tailandesas foram excelentes, por fora crocantes, e por dentro macios. 

Para nosso jantar, escolhemos o Ikan Bali Colo Colo, (Filé de Peixe Grelhado com Tomates, Cebolas e Especiarias Indonésias), o Khai Phad Met Ma Muang, (Sauté de Frango com Castanhas de Caju), e o Kaeng Phet Kung, (Sauté de Camarões e Manga com Curry). Nossos pratos pareciam obras-primas tailandesas, e logo na primeira mordida nos demos conta de que haví­amos escolhido os pratos perfeitos – absolutamente deliciosos! O peixe esteve perfeito, o frango maravilhoso e os camarões grandes e manga com curry foi nossa favorita! Nós gostamos demais, aproveitando cada mordida, até a óltima, esperando que houvesse mais! 

Para o final perfeito para um jantar mágico, de sobremesas, escolhemos o Es Krim Asam Jambu Bji Cabe, (Sorvete do Tamarindo com Comfit de Goiaba e Pimenta Rosa), e o Es Krim Kelapa Kapang, (Sorvete de Coco com Amendoins e Comfit de Gingibre). Nós gostamos dos dois sorvetes – o de tamarindo estava muito exótico e combina com pimenta rosa, já o sorvete de coco foi um ótimo refresco. Thai é certamente um lugar ao qual nós querermos voltar.

(Por favor, leia as incríveis receitas do restaurante Thai no Chefs' Recipes) 

No dia seguinte, começamos nosso dia com café da manhã no restaurante do hotel, chamado Chiabata, onde ficamos na grande varanda com vista para a Praia da Enseada. O buffet suntuoso consistia de frutas exóticas frescas como melancia, mamão, abacaxi e laranja, e ovos, presunto, bacon, e salsichas. Havia ainda uma mesa repleta com papaya, melancia, kiwi, carmabola, figos, abacaxi e uvas. Havia também queijos, presunto, pão de queijo, croissants, pães, doces, bolos, torradas, cereal e iogurte. Depois de tamanho café de manhã, sem dúvida era hora de um bom exercí­cio. 

Pria da EnseadaRegina e eu fizemos um passeio na praia Enseada e depois um passeio pelos jardins exóticos do hotel, responsabilidade de Roberto, o gerente do jardim do Casa Grande Hotel Resort & Spa há 32 anos. Os jardins são espetaculares com muitas variedades de flores e árvores.

O hotel tem uma magní­fica Academia, com paredes de vidros e vista da Praia da Enseada, mas o Ed e o Gilberto foram para a piscina como exercí­cio deles. Na piscina, eles fizeram os exercí­cios com o professor de ginástica , e depois fizeram um passeio rápido pela Praia da Enseada e pelas colinas. Quando eles voltaram, eles fizeram mais exercí­cios com o professor dentro da piscina. Depois, eles só queriam deitar à beira da piscina e comer frutas frescas, mas a Regina e eu tí­nhamos outras idéias para eles. 

Durante nosso passeio no hotel, nós pensamos que uma boa idéia para nossa experiência seria o Spa do hotel, SpaMed Guarujá, www.spamedguaruja.com.br. SpaMed Guarujá tem um programa extenso de saúde e beleza para os hóspedes do hotel e também um Spa de dia. Se você quer emagrecer, relaxar, ou achar sua beleza interna, SpaMed tem tudo para todos.

Nós decidimos pelos tratamentos estéticos, e eu escolhi uma limpeza de pele e a Regina escolheu uma massoquiroprática. Ed e Gilberto escolheram o gommage para a tarde. Que surpresa para eles!  Mantendo o tema de spa, decidimos almoçar no restaurante Spa Diet. Regina e eu falamos com a nutricionista Luciana Valente de Oliveira Lima, que explicou que o restaurante também vende a comida para os hóspedes para continuar o programa nutritivo quando o hóspede voltar para casa. O almoço começou com suco de maracujá, sem açúcar, mas com adoçante. Nosso almoço balanceado consistiu de uma salada verde com molho de tomate em uma tigela separada no prato. Para o prato principal podí­amos escolher entre filé de carne ou filé de frango, ou vegetariano. Regina, Ed e Gilberto escolheram o filé do carne, e para mim, um vegetariano, de brócolis com ricota. Nossos pratos, na verdade foram filés macios, bem saborosos e um brócolis bem temperado. Como recompensa, de sobremesa comemos uma bela e suculenta ameixa. O almoço no Spa Diet foi saboroso, nutritivo e suficiente. 

Ainda no tema do SpaMed, fizemos um passeio pelo hotel e achamos mesas para jogo de bilhar e jogo do tênis de mesa. Mas, apesar da ser uma boa idéia, nós decidimos por fazer uma ciesta à beira da piscina antes de nossos tratamentos de spa. 

SpaMed Dibitron
SpaMed Dibitron

Depois de duas semanas brincando no sol, sim, eu usei protetor solar, e um chapéu, e um guarda-sol, mas a moça aqui andou, nadou e surfou, e já estava na hora de uma limpeza de pele. Sonia, minha profissional de tratamento, e eu decidimos o meu programa: limpeza de pele profunda para retirar os agentes agressores, ajudando na purificação, hidratação e oxigenação de epiderme, e o Dibitron Face, conhecido na Europa como Máquina do Tempo, equipamento italiano que promete inaugurar uma nova era em tratamentos estéticos. Esse equipamento tonifica os músculos da face e do pescoço, massageando-os suavemente 21.600 vezes durante 30 minutos. O prospecto afirma que esse tratamento elimina toxinas, nutre os tecidos e reativa a circulação sanguí­nea linfática, devolvendo luminosidade à pele. O prospecto afirma, em outras palavras, ter o efeito de um lifting sem bisturi – e eu estava pronta para testar! 

Sonia me pediu para deitar na cama de massagem, que é uma maravilha em si, massageando minhas costas enquanto Sônia fazia sua mágica em meu rosto, pescoço e braços com seus óleos e cremes. Primeiro ela limpou minha pele, com sua “varinha de condão”, e depois veio mais mágica – mais um creme, dessa vez frio, foi aplicado em meu rosto e depois uma máscara de papel, e finalmente a Máquina do Tempo foi ajustada à minha face. Durante o tratamento da Máquina do Tempo, Sonia colocou mais cremes nas minhas pernas, braços e mãos. Depois de 30 minutos, eu estava pronta para ver o resultado! Minha pele radiava com luminosidade, e meu pescoço parecia mais suave. Pareço mais jovem? Quem sabe, mas com certeza eu me senti mais jovem! Me senti mimada e muito bem cuidada. Agora mal posso esperar para ouvir sobre as experiências da Regina, Ed e Gilberto.

Quando eu voltei a nossa suí­te, Regina já estava lá. Ela também adorou sua massagem de relaxamento, a Massoquiroprática, durante 40 minutos com a Midori, sua profissional do Spa. 

O Ed e o Gilberto também gostaram de seus tratamentos do Gommage, uma aplicação de sais e óleos essências para relaxamento, que elimina as células mortas e envelhecidas da pele, e depois uma sauna e ducha escocesa. O Ed relatou que se sentiu igual a uma Margarita gigante depois de uma aplicação de sais, e Gilberto disse que se sentiu igual a um churrasco. 

Obrigado, SpaMed, Sonia, Midori e Marta, pelos tratamentos maravilhosos. Eu mal posso esperar por meu próximo tratamento com a Máquina do Tempo

Depois mais um noite espetacular  no Casa Grande Hotel Resort & Spa, e um grande café de manhã, nós olhamos mais uma vez para o mar, e agora chegou a hora de dizer tchau para esse pedaço do paraí­so, e voltar para São Paulo. Na cidade, nós ficamos com nossos amigos, Gicélia e Marcelo Pascon, por alguns dias antes de nossa viagem para o EUA. 

São Paulo é uma cidade espetacular, com muitas coisas para fazer, e Gicélia sabe tudo! Tem os excelentes restaurantes, os magní­ficos museus, as feiras de antiguidades aos sábados, shoppings para comprar pedras, e, é claro, shoppings em geral. Já que nossa visita a São Paulo foi curta, eu quis comprar algumas pedras pelas quais o Brasil é famoso. Fomos para Minerais do Brasil Ltda, Avenida Dr. Abrahão Ribeiro, 740 – Barra Funda, www.lpminerais.com.br. Esta loja tem um piso só para as pedras grandes – as ametistas, citrinos, geodo de ágata, e quartzo rosa e mais. O segundo piso vende as mesas em pedras, coisas decorativas, e pedras lapidadas, e para jóias. Eu quis um de cada! 

Ed quis CDs, então nos fomos com Gicélia, Renata Sacilotti, e seu filho, João Ibêre, de 3 anos, para o Shopping Higianópolis, Avenida Higianóplis, 618 Arco 326. O Shopping Higianópolis é um milagre de muitos pisos, cheio com lojas luxuosas, restaurantes e cinema. A Siciliano S/A, uma combinação de loja de CDs e livraria, foi a favorita do Ed para CDs, e ele comprou muitos! (Leia o artigo dele sobre  Music Scene, nesta edição do Luxury Experience.) Eu gostei do shopping à Verano, onde eu comprei sapatos e bolsas! Também, gostei muito do shopping à Filomena. João Iberê gostou muito das muitas lojas de brinquedos, e ganhou 2 brinquedos – um meu, e um da mãe dele porque ele se comportou muito bem, estava adorável. Para o almoço, comemos no Ráscal Pizza & Cozinha, um restaurante bom, com um menu extenso, e foi perfeito. João Iberê, que normalmente come quase nada, comeu muito! Com as muitas compras, precisamos voltar para o apartamento. 

Quando chegamos, Marcelo, filho da Gicélia, estava esperando por nós. Ele quis que nós ví­ssemos o filme, O Ultimo Samurai. Então, mais tarde nós voltamos para o Shopping Higianópolis para o cinema. Nós chegamos bem no horário do o filme, porque o Marcelo, que detesta shopping, falou “chega de shopping” para nós por hoje! 

Na última noite em São Paulo, encontramos mais amigos nossos,  Gregório, Ana Maria e Emi Chaparro, para o jantar no restaurante italiano Casa das Massas, Pacaembu, Rua Tupi, 610. Nós gostamos muito deste restaurante e das massas.

Nós voltamos para o apartamento de Gicélia e fomos dormir sonhando com nossos lugares favoritos no Brasil, especialmente as belas praias! Agora, é hora de voltar para nossa casa. Mas não se preocupe, nós voltaremos em dezembro – se não mais cedo!

© March 2004. Luxury Experience. www.luxuryexperience.com. All rights reserved.

 
< Prev
Home Performances Luxury Experience Company
Destinations Hotels and Resorts Spas Restaurants Chefs' Recipes Site Map...
Liquor Cabinet Wine Cellar Music Scene Adventures Fashion Arts and Antiques
Luxury Products Publisher's Notes Awards Events Gastronomy Travel News

Luxury Experience Company
Luxury Experience - Like Us On Facebook

 

 

 


All copyrights reserved, Luxury Experience Company.
44 Amogerone Crossway #1573, Greenwich, CT, 06830, USA +1.203.358.9701
Luxury Experiences, Products, Services
A Host Matters Website